(im)perfeito






"Vamos lá menina, saia já dessa ilusão
é de realidade que precisa seu coração"

Pobre menina, ainda tão iludida e acha mesmo viver num mundo real. Maldita realidade onde tudo acaba sempre igual. Ainda anda tão presa nessa velha história de amor, tanto já caiu, tanto já se machucou, e parece não aprender nunca, vai ver se acostumou com a dor. Ela ainda vê os mesmo filmes, que pregam sempre a mesma velha história, o amor e sua alta glória. Desencana, amores de verão são raros, e quando ocorrem cada qual acaba indo para um lado, se quer saber mais então eu direi, não espere que ele escale sua janela, depois não diga que eu não avisei. Não haverá passeios lindos no parque, e nem todos vão compor uma canção, não haverá brincadeiras na chuva, talvez ele nem beije sua mão. Não haverá uma grande esbarrada no corredor, onde os papéis cairão ao chão, e durante o jogo de futebol dele, seus olhares não se encontrarão. Ele não vai ser alto, o mais lindo do colégio, olhos azuis e corpinho atlético. Ele não vai ter uma voz linda, nem vai ser campeão,  ele não será um príncipe como sempre a falarão. Talvez ele seja meio esquelético, com um andar desengonçado, talvez ele seja patético de um modo até engraçado. Ao invés de parques, vocês irão ao um show de uma banda nova, ao invés de chuva será sob uma lua nova. Ele te beijará os lábios, e terá um jeito estranho de dizer 'eu amo você' , ele vai ser longe de ser um príncipe, mas é com ele, que ela - ou eu- vem sonhando até ELE aparecer.


P.S: à pedidos em uma determinada rede social, vou criar uma página, explicando melhor o clube do filme.

2 Comentários:

  1. Olá, tudo bem? Sou dona do blog Eppifania, e passei muito tempo longe daqui... Me perdoe. Quero avisar que mudamos de endereço, agora nosso url é: Eppifania.blogspot.com/
    Contamos com sua visita e crítica.
    Estamos com novidades.

    ResponderExcluir
  2. estou adorando tudo por aqui...
    seguindo ;]

    ResponderExcluir

a frequencia da diversidade, ou apenas os complementos para os meus insanos pensamentos,ou o conforto de saber que me escutam.

 

theme